E onde queres cowboy, eu sou chinês

Moro na rua da Carmen Miranda, alinhada à Central do Brasil, perto da Rua do Oriente, e é na região central do Saara que se dá atualmente a maior concentração de chineses no Rio de Janeiro. O passado carioca de capital imperial do reino de Portugal, de navegações ultramarinas e rotas Indochina preserva e promove encontros e retornos cotidianos entre Ocidente e Oriente e outros que vão ao acaso, vão de borla, promovidos por seduções.