Relação da Grande Monarquia da China

Muitos poderão pensar que a literatura portuguesa só seria verdadeiramente projectada para a prateleira dos bestsellers internacionais com a atribuição do Nobel a José Saramago no penúltimo ano de século XX (8 de Outubro de 1998). Mas nada está mais longe da verdade. Isto porque séculos antes, mais concretamente em 1642, aparecia nos escaparates das livrarias de meia Europa um livro de um autor português completamente desconhecido que bateria todos os recordes de vendas desse ano.

Contradições

Durante os três semestres que estudei mandarim na universidade em Pequim, poucas vezes foi explicada a origem ou a história que está por trás de um carácter ou palavra chinesa. Estes cursos de mandarim são intensivos – aprendem-se dezenas de novos caracteres por dia – e, por isso, há pouco espaço para esses apontamentos.

Diálogo com Macau

Incorporar elementos históricos na escrita é técnica muito utilizada por vários escritores. Muitas vezes, esses elementos históricos servem como setting, reforçando a sensação de veracidade dos enredos das obras literárias, particularmente no caso dos romances. Como esta técnica garante ao público um maior entendimento da mentalidade e forma de estar de uma determinada época, os escritores não poupam palavras - geralmente no início da sua escrita - na descrição do setting histórico.

As-tu vu Cremet?

Jean Cremet interessa particularmente a Macau, tendo em conta que era este comunista francês que como agente do “Comintern” controlava a região do Extremo Oriente, onde se incluía a China, o Japão, o Vietname - integrado então na denominada Indochina francesa - e a Coreia, entre outros países e colónias.