Série caracteres: 川 (rio)

rio

Ilustração: Rui Rasquinho
Texto: 
Luís Ortet
Supervisão: 
António Lei (李子龍)

chuān (pinyin) chyùn (cantonês, Yale) RIO

川 chuan

Outras romanizações a partir do dialecto cantonense: chun (Silabário) e cyun1 (Jyutping)

 

Este carácter significa “rio”, ou riacho, curso de água. O desenho explica-se por si próprio mas é interessante saber o que dizem os autores chineses sobre a sua história.
De acordo com uma interpretação o carácter representa “um riacho descendo por entre as montanhas”, o que acaba por ser uma imagem evocadora da estética subjacente à pintura tradicional chinesa, em que o retrato da natureza goza de protagonismo. Há aliás uma expressão, ainda em uso nos nossos dias, em que chuān participa. Trata-se de shānchuān 山川, que quer dizer “paisagem” (literalmente “montanha e rio”, ou “montanhas e rios”). Esclareça-se no entanto que a expressão mais usada para significar “paisagem” é fēngjǐng 风景 (風景).
Visando os que já conhecem a língua chinesa ou estão a aprendê-la é oportuno fazer algumas clarificações.
Em primeiro lugar, apesar de graficamente expressivo, chuān é na actualidade um carácter relativamente pouco importante e pouco usado. Apesar de significar “rio”, não é esse o carácter habitualmente usado com esse significado.
No Norte da China é mais usado o carácter e no Sul do país, o carácter jiāng . Ambos os caracteres têm como radical shuǐ () que presentemente significa “água” (como já vimos) mas originalmente também tinha o significado de “rio”.
Tudo se passa como se, por alguma razão, chuān tenha progressivamente caído em desuso, em proveito de shuǐ , apesar de os dois caracteres terem tido na origem um significado comum.
O carácter chuān entra na formação do nome actual da província chinesa de Sìchuān 四川 que, traduzido à letra, significaria “quatro rios”, embora na verdade se trate de uma simplificação de um nome antigo composto por mais caracteres. Por outro lado, chuān 川, usado isoladamente, é uma forma abreviada de designar a província de Sichuan.

(Texto editado. Publicado pela primeira vez em Outubro de 2007 no suplemento em língua portuguesa do jornal de língua chinesa de Macau Tai Chung Pou 大眾報)

Textos relacionados:

Aqui pode ficar a saber mais sobre sistemas de romanização/transliteração da língua chinesa.

Sabe o que são radicais?

Fique a conhecer todos os outros caracteres que aprendemos até ao momento.

Estamos no Facebook!

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s