Série caracteres: 手 (mão)

MÃO-1

 

 

 


Ilustração:
Rui Rasquinho
Texto: 
Luís Ortet
Supervisão:
António Lei (李子龍)

SHǑU (pinyin) sáu (cantonês, Yale) MÃO

Outras romanizações a partir do dialecto cantonense: sau (Silabário) e sau2 (Jyutping)

Há caracteres que são mais expressivos do que outros. shǒu, que significa “mão”, não é tão evidente na sugestão do seu significado. Na sua versão mais antiga, o desenho deste carácter sugeria uma árvore ramificada, em que o tronco representava a parte do braço junto à mão, ao passo que os ramos imitavam os dedos. Na versão actual, os ramos deram lugar a três linhas horizontais, que alguns relacionam com as linhas da palma da mão.
Como se pode imaginar, 手 é um carácter relativamente frequente, associando-se a outros caracteres para formar palavras de uso corrente.
Dois exemplos. O primeiro, o mais típico, uma palavra que toda a gente pronuncia e escreve várias vezes por dia é: 手机 (手機 na escrita tradicional)  shǒujī, que significa “telemóvel”. Traduzido à letra significa qualquer coisa como “aparelho de mão”. significa mão e () significa “máquina ou aparelho”. Em cantonês pronuncia-se “sau kei”.
A outra palavra diz respeito a uma acção igualmente comum: 握手 wòshǒu, que significa “aperto de mão, comprimento”. Em cantonês pronuncia-se “ak sau” ou “ngak sau”.
Por outro lado, entra, como radical, na composição de diversos outros caracteres que, em geral, significam actividades relacionadas com a mão. Como por exemplo , que significa “bater” e , que significa “agarrar” ou “segurar”. De ter em conta que, quando é radical, adquire, na maior parte dos casos, a forma de , colocando-se no lado esquerdo do carácter de que faz parte. Mas, por exemplo, em conserva a sua forma original e coloca-se na parte inferior do carácter.
entra numa expressão diariamente utilizada pelos residentes de Macau, por exemplo, independentemente da sua origem. Trata-se da expressão 打包 dǎbāo, que significa “embrulhar”, “empacotar”. O que, dito em cantonês e romanizado à portuguesa, é o incontornável “tápáu” da comida dos restaurantes (ou das casas de take away) que se leva para casa…
Uma pequena observação. Como a generalidade dos caracteres chineses, não tem apenas um único significado preciso, acabando por cobrir todo um universo semântico. Todavia, por detrás dos diversos significados concretos, que dependem dos contextos em que aparece, mantém-se subjacente a mesma ideia original. A de “bater” ou provocar uma acção como resultado do impulso dado pela mão ou pelos dedos, como por exemplo escrever num computador, “batendo nas suas teclas”… 打字 dǎzì quer dizer literalmente “bater caracteres”, isto é, “dactilografar”, “escrever à máquina”, o que hoje em dia se traduz em escrever num computador.

(Texto editado. Publicado pela primeira vez em Setembro de 2007, no suplemento em língua portuguesa do jornal de língua chinesa de Macau Tai Chung Pou 大眾報)

Relacionados:

Aqui pode ficar a saber mais sobre sistemas de romanização/transliteração da língua chinesa.
Sabe o que são radicais?
Fique a conhecer todos os outros caracteres que aprendemos até ao momento.

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s